O que há de novo?
Loading...

Pediculose Pubiana

A pediculose do púbis é causada pelo Phthirus púbis, um “piolho pubiano. Para alguns estudiosos é a mais contagiosa das DST’s.

Sinais e sintomas
Os sintomas surgem de uma a duas semanas após a infestação ou em menor tempo, se a pessoa já apresentou infestação antes.
O piolho adulto e as lêndeas são encontrados fixados aos pêlos pubianos e também nas regiões pilosas do abdômen inferior, coxas e nádegas. Ocasionalmente, o piolho adulto pode ser encontrado nas axilas, pálpebras e supercílios.
Coceira intensa é a principal queixa da pessoa infectada.
Lesões de urticária, bolhas e manchas azuladas podem ocorrer após as picadas dos piolhos.

Formas de contágio
É importante saber que o contágio pode se dar através de relações sexuais, mas pode ser veiculada por meio de vestuário, roupas de cama e toalhas.

Prevenção

Evitar contato com os piolhos e das lêndeas aderidos aos pêlos. Boa higiene corporal.

Tratamento
Os produtos e esquemas usados para o tratamento da escabiose também são eficazes no tratamento da pediculose pubiana. Não é necessário depilar a região. Quando utilizados corretamente, os medicamentos empregados topicamente apresentam toxicidade quase nula. Devem ser aplicados nas áreas afetadas, em duas aplicações, com intervalo de sete dias entre uma e outra. Na primeira aplicação, eliminam-se todos os insetos adultos e na segunda, os que ainda não são capazes de reprodução. A aplicação deve incluir, além da região pubiana, as áreas das coxas, tronco e axilas.




0 comentários:

Postar um comentário

- Todos os Comentários são bem vindos.
Caso tenha alguma dúvida sobre saúde e beleza é só perguntar que tentarei responder a todos.
- Comentários com links irão para uma avaliação para ser aceito, caso não for aceito serão excluídos
- As informações fornecidas aqui são para simples informação. O seu conteúdo não deve ser utilizado para autotratamento e automedicação. Sempre procurar um médico, pois somente ele poderá indicar o melhor para a sua saúde.
- É proibida a reprodução total ou parcial do post, os direitos autorais pertencem à Blogueira Luh Fernandez.

Volte Sempre!

As informações fornecidas no Blog da Luh Fernandez são para simples referência. O seu conteúdo não deve ser utilizado para autotratamento e automedicação. Sempre procurar um médico, pois somente ele poderá indicar o melhor para a sua saúde e nada substitui a palavra de um especialista.
Copyright © 2017 Todos os direitos reservados pertence a Luh Fernandez. Tecnologia do Blogger.